Atlas das fortificações do exército libertador

Documento/Processo, [1833] – [1833]


Plantas de fortificações militares do exército liberal durante o Cerco do Porto, incluindo: reduto da Luz, reduto do Pinhal, flecha do pinhal, reduto do Pasteleiro, flecha dos mortos, do Outeiro, bateria da Casa Branca, da Quinta do Vanzeler, flecha do Carvalhido, bateria do Carvalhido, bateria do Machadinho, bateria da Póvoa, bateria do Fojo, bateria do Bonfim, bateria da Lomba, da bateria da China de cima, bateria da Quinta do Salabert, bateria de Lordelo, bateria de Matosinhos, bateria do Bom Sucesso, beteria do Monte Branco, bateria do Cemitério dos Ingleses, bateria da Ramada Alta, bateria de São Paulo, bateria do Monte Pedral, bateria da Glória, bateria de Dom Pedro, bateria de São Brás, bateria da Aguardente, bateria do Cativo, bateria da Póvoa de Cima, bateria dos Congregados, bateria do Cativo, bateria de Barros Lima (com local do telégrafo), do reduto das Medalhas, reduto do Covelo, flecha das Antas, reduto do centro das Antas, reduto da direita das Antas, reduto de Campanhã, reduto da Arrábida, bateria do cónego Teixeira, bateria da Torre da Marca, da bateria da Quinta das Virtudes, bateria do Largo das Virtudes, bateria da Vitória, bateria do Postigo do Sol, bateria das Fontainhas, bateria da Corticeira, bateria do Seminário e bateria da China de baixo.

  • Objectos Digitais
  • Ver em ecrã completo

  • Descrição
    • Identificador 374357
    • Código parcial 005
    • Notas

      N.º de registo antigo: 3956.
      Cota antiga: MNL/5A-14.

    • Dimensões

      1 caderno

    • Local de consulta

      Arquivo Histórico

    • Cota

      D-PRI/1AH(1)


  • Subordinados