"As cinzas de camilo" : escultura

Documento/Processo, [190?] – [191?]


Modelo do monumento dedicado a Camilo Castelo Branco, por Teixeira Lopes.
António Teixeira Lopes, nasceu em Vila Nova de Gaia, em 27 de Outubro de 1866. Era filho do escultor José Joaquim Teixeira Lopes e D. Raquel Pereira Meireles Teixeira Lopes, irmão do arquiteto José Teixeira Lopes, seu colaborador em muitos trabalhos. Na oficina de seu pai, decorreram os seus primeiros anos, que o fizeram um grande e notável artista. Seu pai, apercebendo-se da sua tendência para a Arte, encorajou-o e deu-lhe os primeiros ensinamentos de modelação do barro. No ano de 1882, deu entrada na Academia de Belas Artes, onde teve como professores o conhecido Mestre estatuário Soares dos Reis e o pintor Marques de Oliveira. No terceiro ano do seu curso (1885) foi para Paris para completar os seus estudos. Ingressou na École des Beaux-Arts, tendo como orientadores Gauthier e Berthet, onde obteve vários prémios e menções honrosas. Nos anos seguintes continuou a apresentar os seus trabalhos em exposições, tanto em Portugal como na França. Foi também professor da Escola de Belas Artes do Porto, onde regeu, durante muitos anos, a cadeira de escultura.

  • Objectos Digitais
  • Ver em ecrã completo

  • Descrição
    • Identificador 303549
    • Código parcial F.NV:FG.M:9:942
    • Arquivo
    • Produtor
    • Notas

      Características físicas: marcas de revelação nas extremidades.
      Cota antiga: 3224.

    • Dimensões

      0,130 x 0,180 m; 1 negativo em vidro

    • Local de consulta

      Arquivo Histórico

    • Cota

      F-NV/FG-M/9/942


  • Subordinados